Energia: como economizar “além da conta”

Confira algumas dicas para evitar “surpresas” no fim do mês

Vários estados brasileiros sofreram com a falta de água no último ano, situação que comprometeu a produção de energia das usinas hidrelétricas. O resultado apareceu nas contas dos consumidores. Agora, para manter o orçamento equilibrado, a única alternativa é economizar. Conheça algumas medidas que podem ajudar:

* Prefira lâmpadas fluorescentes ou de LED. Uma fluorescente de 40 watts ilumina mais que uma incandescente de 150 watts, e dura dez vezes mais.

 * Aproveite a luz do dia: quanto mais claro e aberto o ambiente, menos se usa a luz.

* Pinte as paredes de cores claras: assim, você usará menos lâmpadas.

* Mantenha os lustres limpos.

* Não deixe eletrodomésticos em stand by. Você sabia que, ao desligá-los da tomada, pode economizar até 17% na conta de luz?

* Considere a possibilidade de trocar a geladeira velha por uma nova, com o selo Procel, que garante menor consumo de energia.

* Você sabia que um micro-ondas de 25 litros gasta 13,95 kWh por mês, para 20 minutos diários de uso? Isso significa que ele gasta mais do que o ferro de passar e a lavadora de roupas.

*Descongele geladeiras e freezers a cada 15 dias. O excesso de gelo existente no interior de seu congelador dificulta a circulação de ar e aumenta o consumo.

* Não posicione geladeira ou freezer próximos de fogões. Isso provoca um ganho de temperatura que resulta em aumento do consumo. Também é importante mantê-los afastados de paredes, a uma distância de pelo menos 15cm, para evitar superaquecimento.

Consultoria: Rubens Leme, coordenador de usos finais de energia da Eletropaulo e Proteste – Associação Brasileira de Defesa do Consumidor.

 

Tags: casa economia na prática eletrodomésticos energia elétrica sustentabilidade

Veja mais